31/08/2007

(in) capaz

seria completamente incapaz de explicar num blog o efeito devastador que tiveste na minha vida. como seria também incapaz de pontuar a intimidade.


desengana-te, se pensavas o contrário.

3 comentários:

Tua amiga disse...

Sempre aqui vim e nunca comentei. Tu sabes que aqui venho e nunca achei que devia comentar seja o que for. Sei também que menos boa é o periodo que passas, não precisas dizer, vê-se nos teus olhos.
Sei do teu enorme jeito para a escrita mas esta mensagem tocou-me especialmente. Fiquei arrepiada e senti o quanto são genuinos os teus sentimentos e a maneira deliciosa como os escreves e os demonstras.
És de uma sensibilidade monumental.

Pessoalmente te direi quem sou.

teu amigo disse...

Se calhar deverias olhar para os teus amigos de outra forma.
Refugias-te sempre atrás daqueles que achas que são os teus melhores amigos...mas se calhar estás a esquecer-te de outros que te poderão dar mais!
Reflete e avalia o teu actual momento e verás que o vais superar...quando libertares a tua consciência.

Pessoalmente te direi quem sou.

Anónimo disse...

é um jeito natural o teu para dizeres coisas assim